Tem dia que é noite

Você acorda, cansado, mesmo com 10 horas de sono. Você levanta, atrasado. Abre a geladeira, toma o leite, estragado. Vai ao banheiro, não tem pasta de dente.

Você sai correndo, desce 10 andares, sai pra rua, aquele puta frio, aquele puta vento, e vê que esqueceu a porra do cartão do ônibus. Tem que voltar. Você volta, lá se vão mais 5 minutos, até o elevador descer, depois subir, aí até achar o cartão do ônibus no meio da bagunça que você prometeu que nunca mais teria, e aí até pegar o elevador de novo, lotado àquele horário da manhã, sim, são 5 minutos. O suficiente pra você perder o ônibus por míseros 10 segundos, mesmo correndo pra alcançá-lo.

Seu trabalho sai uma merda, você não consegue fazer o que planejou, você não consegue falar as palavras que pensa, você sai na rua, aquele puta frio, aquele puta vento.

Chega em casa e aquela puta louça suja. Vai pra internet, fica preso nela, e só consegue sair à uma e meia da matina, mesmo tendo prometido que só ficaria 15 minutinhos pra responder os e-mails.

Anúncios

One Response to Tem dia que é noite

  1. Mel disse:

    Massa, legal esse poder de observação… “a bagunça que você prometeu que nunca mais teria” é algo que sempre vivo, que nunca arrumo e nunca pensei em aproveitar de outra forma (como vc fez aplicando na reflexão) hehe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: