Preso

Não são as mechas longas
Nem o brilho que me ofusca os olhos
Nem os fios que te emolduram o rosto
Nem o liso que se desmancha em meus dedos

Mas é o perfume
O grande culpado
Por me manter preso aos seus cabelos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: